quinta-feira, junho 18, 2009

PRELÚDIO DE UMA PALETA

( 80cm x 60cm )
Passo a vida a pintar os meus sonhos.
Da paleta escorregam uma mescla e mistura incomuns de cores irreais.
O pincel escuta-me e conduz as minhas mãos... Entregam-se ao som e deixam-se levar...
Calados, perplexos, como que hipnotizados, os meus olhos observam a dança... Será amor, ódio, raiva, alegria, tristeza, medo? Serão homens, mulheres, crianças, astros, animais, cidades, natureza, vento, mar, sonhos?
O tabuleiro da existência persegue-me… Pergunto-me: perseguimos ou somos perseguidos? Estou preso numa overdose do xadrez da vida enquanto as minhas veias saboreiam avidamente o sangue da maçã.
Só sei que sinto nos meus dedos a relação da paleta com o pincel e que o aroma das tintas adormece a minha essência.

9 comentários:

Ruben disse...

a pintora pinta de dentro da sua carne o exterior cinzento
inventa civilizações com cores, sangue e sons
com gestos simples constrói mundos
destrói segredos
revela personagens escondidas pelo arredondar do tempo
descobre que um segredo é um desejo íntimo de revelar o escondido
e que ter um desejo é um segredo íntimo
ter um íntimo é um desejo de cada pincelada
cada gesto
velando o sono de desconhecidos perplexos
monges do irracional
ninguém precisa de gente dessa a macerar painéis
uma outra – um olhar
a pintora precisava apenas de uma tela… sob o seu corpo

in http://acaixadospoetas.wordpress.com/

Abraço

Miguel disse...

FODASSE, vizinho! Desculpa a linguagem, mas cada vez escreves melhor!!!
Pintar já eu sabia... ;)
Qd é q organizas 1 exposição como deve ser?
Com os teus quadros! E os poemas ao lado! E a musiquinha do Yann Tiersen!
Eu ajudo, sem problema nenhum!!!
Ideias fixes é cmg!!! LOL.
Vamos ver o concerto dele a famalicão? Oferece-lhe 1 quadro dos teus para ele te autorizar a pôr a música na exposição. Até o podes convidar a estar presente na estreia.
Q tal? A mim parece-me bem...
Abraço
Miguel Vizinho ;)
PS: Como vai o nosso amigo brasileiro? Aposto q qd ele emigrar para lá, ainda vai continuar a ser o presidente do vosso clube!!! AHAHAHAH!!! Q puta de cena... Ups! Lá estou eu outra vez! :P

Mαğΐα disse...

Marciano,
tenho uma pergunta:

A paleta é mesmo uma paleta?

Mαğΐα disse...

Reciclagem de paleta?

Arnaldo Macedo disse...

Mαğΐα a Paleta é mesmo uma paleta, a maçã é mesmo geometricamente uma maçã o pincel continua a ser na mesmo um pincel...Ahhh a reciclagem manda foder essa merda... Primeiro vamos reciclar as mentes humanas e depois pensamos nas paletas...Agora deixo eu uma pergunta: Quando deixas de pregar no deserto e voltas para tua TASCA.?????

Mαğΐα disse...

Marciano,

Opahhhh, gostei da ideia!

Fizeste-me lembrar um certo quadro que tinha uma cuequinha...
Como vês a minha memória não falha, a tua é que parece que anda com uma falhas. Concerteza já te esqueceste do caminho para o meu estaminé.

Será Alzheimer?

FUI!!!!!

ams disse...

Um Livro de Carne

Eu sou um homem no vácuo
Um surdo um cego um mudo
Sobre um imenso pedestal de silêncio negro

Nada mais do que este olvido sem limites
Este absoluto de um zero repetido
A solidão íntegra e sem falha

Não há nódoa que caia sobre o dia é pura a noite

(...)

Paul Éluard

É esta a minha visão. Faço minhas as palavras do Éluard.

Abraço

Clara disse...

Gosto do teu blogue: gosto das paletes, gosto das palavras. E gosto da música. Parabéns!

Beijinhos

paula disse...

e diz que passa...